03

terça-feira, 15 de março de 2011

VIDA FACIL?? ENGANO SEU.


               A prostituição pode ser definida como a troca consciente de favores sexuais por interesses não sentimentais, afetivos ou prazer. Apesar de comumente consistir numa relação de troca entre sexo e dinheiro, essa não é uma regra. Alguns a consideram a profissão mais antiga do mundo, e sempre esteve presente em todas as culturas, mesmo entre as mais severas.
               Na época em que a Grecia e Roma polarizavam o dominio cultural, as prostitutas eram admiradas, porém tinham que pagar pesados impostos ao estado para praticarem sua profissão.
               De volta à terrinha. Em Pau dos Ferros nos anos 1950 e 1960 a zona do meretrício se localizava na rua Lafaiete Diógenes, que ainda não tinha esse nome, e se chamava "Rabo da Gata". Quando a cidade começou a se expandir, o prefeito na época Dr. Pedro Diógenes, retirou "as meninas" daquele local e as transferiu para um "novo ambiente" que se localizava onde hoje é o posto de Bolinha. Segundo algumas fontes "o novo brega" foi construido com recursos públicos, o que motivou uma notinha irônica na extinta revista "O Cruzeiro" de Assis Chateubriant e obviamente teve repercussão nacional. Como ficava numa zona fora da cidade a liberdade das garotas ia aos extremos e aquele pedacinho de chão era uma alegria só. Os "administradores" eram "Seu Tikim", "Seu Jessé" e " Seu Martil". Havia também vários botequins próximos onde os programas podiam ser negociados.
              O auge dessas casas de diversão foi na década de 1980, quando prosperava o minério de Tenente Ananias e os homens gastavam fortunas por lá. Com a construção do bairo princesinha do Oeste o "cabaré" foi naturalmente desativado. Depois foi a vez do reinado de Cidalva "Labokita" e Jaqueline Drinks, ainda em atividade. Vale ressaltar que no centro da cidade na zona conhecida como "quatro bocas" a prostituição ainda tem lugar cativo, apesar da qualidade duvidosa.
              A atividade de prostituição no Brasil em si não é considerada ilegal, não incorrendo em penas nem aos clientes, nem às pessoas que se prostituem. Entretanto, o fomento à prostituição e a contratação de mulheres para atuarem como prostitutas é considerado crime, punível com prisão.


Israel Vianney

Um comentário:

  1. ainda existe o Jaqueline drinks? onde fica?

    ResponderExcluir

As postagens que venham a desrespeitar moralmente ou legalmente a algo ou alguém, serão excluidas.. Para evitar que isso aconteça evite esses tipos de comentários.. Desde já agradecemos..